Depois do Príncipe Charles, agora é a Rainha Elizabeth com coronavírus na família mais nobre do mundo

Publicado em: 28/03/2020

Caras | Isabel II de Inglaterra é a rainha mais velha do mundo

Os tabloides britânicos desta sexta-feira noticiaram: a rainha Elizabeth II fez teste do coronavírus e o exame deu positivo.

O comunicado do Palácio de Buckingham foi feito logo depois que o primeiro-ministro Boris Johnson revelou que seu teste havia dado positivo.

É que a rainha mantém reuniões semanais com Johnson.

“O HMQ também testou positivo e está atualmente se auto-isolando no Castelo de Windsor. A rainha entrou em contato com a PM no dia 11 de março e está seguindo todos os conselhos adequados em relação ao seu bem-estar”, comunicou o Palácio.

O vírus Covid-19 já tinha batido à porta do endereço mais nobre do mundo.

Na quarta-feira foi anunciado que o príncipe Charles, o herdeiro do trono britânico, havia contraído o vírus.

Ele está isolado em uma propriedade real na Escócia.

Diante da possibilidade de contrair coronavírus, a rainha Elizabeth, aos 93 anos, fez aulas para aprender a se comunicar pela internet e, por meio de plataformas como Skype e Facetime.

E ela vai utilizar videoconferências para conversar com familiares.

 

Faça o seu comentário

ELISA MAGAZINE

Governo lançará linha de antecipação de pagamento a fornecedores

Publicado em: 28/03/2020

                               Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

 

O governo federal pretende lançar, nas próximas semanas, uma linha de crédito de antecipação de pagamentos do setor público a fornecedores. Somente o governo compra R$ 48 bilhões por ano de fornecedores.

A modalidade de crédito vai funcionar assim: o fornecedor de produtos ou serviços fará o empréstimo com um banco, tendo como garantia contrato com órgão público. O banco antecipará o pagamento, com uma taxa de desconto. Quando o pagamento for feito, o dinheiro será enviado ao banco.

O secretário de Gestão do Ministério da Economia, Cristiano Rocha Heckert, disse à Agência Brasil que os empréstimos serão feitos por meio do sistema de compras do governo federal, o Comprasnet.

Os bancos serão credenciados e farão as propostas de taxas de descontos e o fornecedor poderá escolher a melhor. “Será uma plataforma integrada com nosso banco de dados de contrato. O poder público entra como garantidor que o contrato existe. Isso é fundamental porque diminui enormemente o risco do banco”, afirmou Heckert.

Ontem (27), foi finalizada a consulta pública sobre o assunto. Agora a secretaria pretende criar a norma que autoriza o empréstimo e fazer adaptações na plataforma de compras.

Além da União, fornecedores de estados e municípios que utilizam o sistema de compras federal também poderão ter acesso ao crédito de antecipação de recebíveis. Segundo o secretário, 400 municípios já solicitaram acesso ao sistema.

Segundo ele, esse número vai subir porque um decreto de setembro do ano passado obriga estados e municípios a executarem recursos de transferências voluntárias da União por meio de pregão eletrônico.

“Estamos oferecendo nossa plataforma tecnológica para fazer os leilões. Não é obrigatório fazer o leilão pela nossa plataforma. Mas a quem não tem, estamos oferecendo a nossa. Desde o final do ano passado, um número grande de municípios pediu para usar o nosso sistema”, explicou.

O pregão eletrônico passa a ser obrigatório seguindo um cronograma: desde o fim do ano passado para estados; desde o início de fevereiro para municípios com mais de 50 mil habitantes; a partir de abril, para municípios entre 15 mil a 50 mil habitantes; e a partir de junho, para cidades com menos de 15 mil habitantes.

De acordo com o secretário, essa medida já vinha sendo estudada pelo governo, mas foi “acelerada” para ajudar no enfrentamento dos efeitos econômicos da covid-19.

Cooperativas

Heckert acrescentou que outra medida para enfrentar a crise econômica foi a alteração do decreto nº 8.538/15, que tornou possível a aplicação de direitos de preferência a cooperativas em licitações. Antes, o tratamento diferenciado era dado somente a micro e pequenas empresas.

“Por exemplo, o decreto dá exclusividade em licitação até R$ 80 mil, lotes separados em licitação de maior valor, a possibilidade de dar um lance final e ser vencedora da licitação”, disse.

Frisou que 7,5 mil cooperativas foram potencialmente beneficiadas. Essas cooperativas empregam 450 mil pessoas. Ele acrescentou que no ano passado foram feitas 47 mil compras de micro e pequenas empresas pela União, no valor de R$ 7,5 bilhões.

Medidas de prevenção e combate

Heckert citou ainda medidas de prevenção e combate ao coronavírus executadas pela Secretaria de Gestão. Uma delas foi o chamamento de doações de máscaras, álcool em gel, sabonete líquido e termômetro digital.

“Em uma única doação recebemos 25 mil máscaras de um banco internacional, no valor de R$ 1,4 milhão. Além de outras menores que têm chegado”, disse. As doações vão para o Ministério da Saúde, além do Ministério da Justiça, sendo redirecionadas a presídios e policiais. As doações também vão para outros órgãos públicos.

Ele citou ainda a Medida Provisória nº 926 que dispensa licitação para todas as contratações que estiverem relacionadas ao enfrentamento da convid-19. “Não apenas contratação de insumos hospitalares diretamente ligados, mas inclusive serviços, obras de engenharia que eventualmente possam ser usadas no enfrentamento, seja de forma preventiva ou na forma de combate”, disse.

Segundo Heckert também foi criado dentro do portal de compras governamentais uma página especial com várias orientações sobre como lidar com questões envolvendo logística e contratações.

 

Agência Brasil

 

Faça o seu comentário

Óticas Diniz

Berço da Covid-19, Wuhan começa a sair da quarentena e reabre ferrovias

Publicado em: 28/03/2020

                                    Foto: Hector Retamal/AFP

 

A cidade chinesa de Wuhan, na província de Hubei, berço do novo coronavírus, começou neste sábado a aliviar a quarentena em que se encontra desde o dia 23 de janeiro. Após a abertura de parte das estradas para que pessoas pudessem entrar no local, o governo reativou parte das linhas de trem para desembarque: sair da cidade, como previamente anunciado, só será possível a partir do dia 5 de abril.

Após ser completamente isolada do resto do país por dois meses, a reabertura da cidade marca um ponto de virada e uma vitória política do governo chinês no combate ao vírus que, globalmente, já infectou mais de 600 mil pessoas em 178 países e territórios, segundo o levantamento da Universidade Johns Hopkins. Ao todo, Wuhan sozinha registrou mais de 50 mil casos do novo coronavírus – cerca de 60% de todos os contágios na China –, com ao menos 3 mil mortes.

Medidas draconianas de isolamento, no entanto, levaram a uma redução drástica, ao menos aparente, nos casos nas últimas semanas em todo o país. Segundo a Comissão Nacional de Saúde chinesa, entre sexta e sábado foram registradas 54 infecções pela doença no país, todas elas importadas. Em Wuhan, o diagnóstico mais recente da doença foi na última segunda-feira.

O número total de infecções na China continental é 81.394, com 3.295 mortes. A maior parte dos novos casos foi registrada em Xangai, 17. Outros 11 casos foram em Guangdong, seis em Fuijan, cinco em Tianjin, quatro em Zheijiang, três em Beijing e Liaoning, dois na Mongólia e em Jilin e um em Shandong.

Com os Estados Unidos, a Itália e a Espanha como os novos epicentros da Covid-19, o governo chinês vem tomando medidas para conter os casos importados, que especialistas temem desencadear uma nova onda da doença. A partir deste sábado, Pequim suspendeu a entrada de estrangeiros com vistos ou residência chinesa. As rotas de voos internacionais também foram reduzidas em 90%. A cautela, segundo as autoridades, é essencial para evitar um novo crescimento exponencial dos casos.

A reabertura de Wuhan, no entanto, é cercada de dúvidas. Teme-se que, para fomentar o discurso político de derrota do Covid-19, o governo chinês venha subnotificando os casos de infecção em Wuhan. A China já não contabiliza casos assintomáticos da doença – que, segundo pesquisas, podem não só representar boa parte dos infectados, mas também serem amplamente contagiosos –, mas há relatos de que até mesmo pessoas com sintomas típicos da doença não estão sendo inseridas nas estatísticas em Wuhan.

O retorno prematuro das atividades, especialistas e moradores argumentam, também poderia causar uma nova onda da doença. Ainda assim, pessoas em trajes completos de proteção e voluntários ocuparam a ferrovia da cidade durante a manhã, distribuindo desinfetantes e lembrando os cidadãos de que precisavam mostrar o QR code verde concedido pelo governo – sinal de que tem boa saúde – para poder seguir viagem.

Buscando evitar uma nova onda da doença, as autoridades chinesas também revogaram a abertura de cinemas e teatros, segundo a imprensa estatal do país. O governo também faz um apelo para que seus cidadãos usem máscaras para evitar novos contágios – algo cuja eficácia é discutida entre especialistas.

– O grande erro dos EUA e da Europa, na minha opinião, é que as pessoas não usam máscaras – disse George Gao, diretor-geral do Centro de Controle e Prevenção de Doençås chinês. – Muitas pessoas têm infecções assintomáticas ou ainda não começaram a mostrar sintomas. Se estiverem usando máscaras, ela pode prevenir que partículas contaminadas escapem e contaminem outras pessoas.

 

O Globo

 

Faça o seu comentário

Rádio 89 FM - João Câmara

Prefeito morre de coronavírus no Piauí

Publicado em: 28/03/2020

PREFEITO MORRE COM SUSPEITA DE COVID-19 NO PIAUÍ - Gustavo Almeida ...     

O prefeito de São José do Divino, Antônio Nonato Lima Gomes, foi confirmado como a primeira morte do Piauí por Covid-19. Ele tinha 57 anos e era diabético.

 

 

Faça o seu comentário

VIVO PRE

Veja como deve funcionar e quem deve ter direito ao pagamento de R$ 600 para trabalhadores informais

Publicado em: 28/03/2020

                                             Foto: Getty Images

 

Aprovado pela Câmara dos Deputados na quinta-feira (26), o pagamento de auxílio emergencial de R$ 600 aos trabalhadores informais ainda não tem data para começar a valer. O projeto precisa passar pelo crivo do Senado e ser sancionado pelo presidente Jair Bolsonaro antes de vigorar. Os senadores devem se debruçar sobre a matéria na próxima semana.

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, reforçou nesta sexta-feira (27) esse caminho burocrático que precisa ser superado antes de o dinheiro chegar nas mãos dos cidadãos afetados pela crise. Guimarães adiantou que, após o aval do Senado, o governo federal terá de editar decreto detalhando as regras para o repasse do benefício.

— Já tivemos milhões de pessoas que foram até as agências para perguntar sobre este benefício. Por isso estamos falando que precisa do Senado e do decreto porque, senão, certamente hoje teremos pessoas lá — disse Guimarães.

Inicialmente, a equipe econômica admitia conceder R$ 200 aos informais. Após críticas, o valor flutuou entre R$ 300 e R$ 500 até acordo entre Congresso e governo baterem o martelo nos R$ 600.

QUEM TEM DIREITO AO BENEFÍCIO

Requisitos obrigatórios:

– Ser maior de 18 anos de idade;

– Não ter emprego formal;

– Não receber benefício previdenciário ou assistencial, seguro-desemprego ou de outro programa de transferência de renda federal que não seja o Bolsa Família;

– Ter renda familiar mensal de até meio salário mínimo (R$ 522,50) por pessoa ou renda familiar mensal total da família de até três salários mínimos (R$ 3.135,00);

– Não ter recebido rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 em 2018;

O interessado também deve se enquadrar em uma dessas condições:

– Atuar na condição de microempreendedor individual (MEI);

– Ser contribuinte individual ou facultativo do Regime Geral de Previdência Social (RGPS);

– Atuar como trabalhador informal inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do governo federal (CadÚnico);

– Cumprir no último mês o requisito de renda familiar mensal por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos;

QUAL O VALOR DO BENEFÍCIO

O beneficiário poderá receber R$ 600. Mães que são chefe de família poderão receber duas cotas do auxílio: R$ 1,2 mil.

QUANDO COMEÇA O PAGAMENTO DO BENEFÍCIO?

Ainda não foi definido quando o benefício começará a ser pago aos trabalhadores. O texto precisa ser aprovado pelo Senado e seguir para sanção presidencial.

O BENEFÍCIO SERÁ PAGO ATÉ QUANDO?

O projeto em análise no Congresso prevê que o pagamento do auxílio emergencial deverá ocorrer por três meses, mas poderá ser prorrogado dependendo do avanço da pandemia e os efeitos gerados.

O BENEFÍCIO PODE SER ACUMULADO ENTRE MEMBROS DA MESMA FAMÍLIA?

O projeto prevê que até duas pessoas da mesma família poderão acumular os valores do benefício emergencial. Caso a pessoa receba o Bolsa Família, ela poderá substituir o pagamento pelos R$ 600, caso seja mais vantajoso.

COMO SERÁ CALCULADA A RENDA FAMILIAR?

Para o cálculo da renda familiar serão considerados todos os rendimentos dos membros que moram na mesma residência, menos o dinheiro recebido via Bolsa Família.

COMO SERÁ VERIFICADA A RENDA FAMILIAR?

A renda média será verificada por meio do CadÚnico para os trabalhadores que são inscritos na plataforma. Já no caso dos cidadãos que não fazem parte do CadÚnico, a comprovação será feita por meio de uma autodeclaração em plataforma digital, que ainda não foi detalhada pelo governo.

COMO SERÁ REALIZADO O PAGAMENTO

O projeto estipula que o auxílio será pago em bancos públicos federais por meio de uma conta estilo poupança social digital. Essa conta será aberta automaticamente em nome dos beneficiários, com dispensa da apresentação de documentos e isenção de tarifas de manutenção. Ainda não foi definido se o pagamento será simultâneo a todos os beneficiários ou escalonado.

 

Agência Câmara de Notícias 

 

Faça o seu comentário

R CRUZ - ASSESSORIA CONTÁBIL

Com 17 novos casos, RN agora tem 45 confirmados com coronavírus

Publicado em: 28/03/2020

                                           Imagem: reprodução/Instagram

 

O Rio Grande do Norte passa a ter 45 casos de pessoas com o novo coronavírus. As cidades com casos confirmados são Natal (22), Mossoró (14), Parnamirim (6), Macaíba (1), Monte Alegre (1), Passa e Fica (1).

As informações completas, com os dados atualizados no RN sobre a Covid-19, serão divulgadas no novo boletim epidemiológico ainda neste sábado (28) pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap).

 

Faça o seu comentário

BOA FÓRMULA - FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO

Natália Bonavides entra na Justiça para suspender campanha de Bolsonaro pelo fim da quarentena

Publicado em: 28/03/2020

                                     Foto: Gabriel Paiva / Assecom

 

A deputada federal Natália Bonavides ajuizou na Justiça uma ação popular para suspender a campanha publicitária “O Brasil não pode parar”, contratada sem licitação pelo governo Bolsonaro junto à agência iComunicação.

A ação de marketing defende o fim da quarentena e pede para que os brasileiros e brasileiras voltem ao trabalho, descumprindo as recomendações sanitárias dos órgãos de saúde pública do Brasil e dos demais países do mundo.

A campanha custou aos cofres públicos R$ 4,8 milhões. Na ação, a parlamentar do Rio Grande do Norte pede a interrupção da campanha e a devolução dos valores gastos.

A ação popular tramita na 5ª Vara Federal do Rio Grande do Norte.

Natália Bonavides justificou a medida a partir de duas razões. Segundo ela, a campanha não tem caráter educativo e desrespeita a dignidade da pessoa humana:

“Essa campanha não tem caráter educativo, como a Constituição exige que tivesse. Ao contrário, orienta o descumprimento de recomendações sanitárias da Organização Mundial de Saúde (OMS) e desrespeita a dignidade da pessoa humana, já que ela tem como resultado potencial aumentar numero de mortos pelo novo Coronavírus”, explica.

A parlamentar potiguar classifica como “absurda” a ação de marketing do governo Bolsonaro neste momento em que o mundo se vê mergulhado numa crise sem precedentes provada pela pandemia:

– É um absurdo essa campanha, é um absurdo que contra todas as evidências o Governo esteja agindo de modo a expor tanto a nossa população. Entramos com essa ação na Justiça do Rio Grande do norte e aguardamos a decisão nos próximos dias sobre os nossos pedidos”, afirmou.

Projetos

Desde que o número de infectados e mortes foram confirmadas pelo novo Coronavírus no país, Natália Bonavides já protocolou oito projetos de lei para reduzir o impacto da pandemia na economia e na vida dos trabalhadores, pessoas em situação de vulnerabilidade e pequenos e médios empresários do país. Saiba mais sobre os projetos aqui e aqui.

Na quinta-feira (26), a deputada federal também apresentou 22 emendas à Medida Provisória 927 assinada por Jair Bolsonaro dia 23 de março. A MP retira e flexibiliza vários direitos trabalhistas, até mesmo o direito ao salário integral durante a pandemia do coronavírus.

Entre as emendas da parlamentar, estão a que impede que o período de isolamento durante a pandemia seja utilizado como banco de horas em prejuízo do trabalhador e da trabalhadora, bem como antecipação de férias futuras.

 

Saiba Mais – Agência de Reportagem

 

Faça o seu comentário

Arena Estação Fut7

Casos da Covid-19 no mundo dobram em uma semana e ultrapassam 600 mil

Publicado em: 28/03/2020

                                                  Imagem: reprodução

 

Mais de 600.000 casos de coronavírus foram registrados oficialmente no mundo desde o início da pandemia, em dezembro, de acordo com o levantamento realizado pela Universidade Johns Hopkins, nos Estados Unidos.

Até o momento foram diagnosticados 614.884 casos e 28.687 mortes em 177 países e territórios. O número de pessoas curadas é 135.671.

A partir do dia que o primeiro caso da doença foi registrado, em dezembro, foram necessários 67 dias para que o número de pessoas infectadas no mundo alcançasse 100 mil. Para que os casos chegassem a 200 mil, foram necessários apenas 11 dias.

Apenas quatro dias mais tarde, a cifra bateu 300 mil. Na terça-feira, apenas três dias depois, os números bateram 400 mil. Impulsionada majoritariamente pelos Estados Unidos, a estatística havia superado os 500 mil na quinta-feira, há dois dias.

O número de contágios é especialmente elevado nos Estados Unidos (104.837 casos, 1.711 mortes), Itália (86.498 casos, 9.134 mortes) e China (81.996 casos, 3.299 mortes).

Os casos diagnosticados refletem apenas uma parte dos contágios reais, pois muitos países fazem exames apenas em pacientes em estado grave e que precisam de internação.

 

O Globo

 

Faça o seu comentário

Open Master - Agência de Desenvolvimento Web

Médica de Campina Grande sugere que favoráveis a abertura do Comércio abdiquem de respiradores

Publicado em: 28/03/2020

                                                                                Imagem: reprodução

 

Ao opinar sobre a possibilidade de reabertura do comércio em Campina Grande e outras cidades, medida essa defendida por alguns empresários, a médica campinense Adriana Melo, que é especialista em Medicina Fetal e referência no tratamento da microcefalia no Brasil, por meio das suas redes sociais deu um recado duro, sugerindo que estes apoiam essa medida abram mão de respiradores, quando foram internados com a suspeita do vírus.

              

                              Imagem: reprodução/Instagram

 

“Sugiro que quem for favorável acabar com o isolamento social e abrir o comercio, assinar um termo dizendo que abre mão de um respirador quando nós, profissionais da saúde, tivermos que escolher quem vai morrer ou viver”, disse a médica destacando que acredita na ciência.

Não levando em conta os apelos da Organização Mundial de Saúde (OMS), bem como da Prefeitura Municipal de Campina Grande (PMCG) e do Governo do Estado que pedem o isolamento da sociedade, alguns comerciantes de Campina promoverão uma carreata hoje (27), atendendo ao pedido do presidente da República Jair Bolsonaro para a reabertura do comércio.

Segundo arte que circula nas redes sociais, empresários da cidade estão articulando uma carreata com a finalidade de pressionar o governo municipal para que libere o comércio local na próxima segunda-feira (30). A carreata está prevista para ocorrer às 15h desta sexta-feira (27), com concentração na frente do Partage Shopping, passando pelas principais ruas do Centro da cidade. Por motivo de segurança, ninguém deverá descer

A ação dos empresários começou após a fala do presidente Jair Bolsonaro que, em pronunciamento, minimizou a gravidade do avanço do coronavírus no Brasil, além do quadro de crise da economia local. Os empresários ponderaram que todas as precauções sanitárias para evitar qualquer tipo de disseminação viral serão tomadas.

 

PB Agora

 

Faça o seu comentário

Farmácia Paz

Resultado de Fábio Júnior deu negativo para Codiv-19, mas ele está internado

Publicado em: 28/03/2020

Fábio Júnior é internado em São Paulo após apresentar sintomas de ...

Fábio Jr., 66, permanece internado no hospital Albert Einstein, em São Paulo, sem previsão de alta. O cantor foi hospitalizado na noite do último domingo (22), após sentir mal-estar ligado a estresse e estafa.O músico chegou a fazer um teste para Covid-19, mas o resultado deu negativo.

De acordo com a assessoria de imprensa, Fábio Jr. fez uma bateria de exames e seu quadro de saúde está estável. “Ele está ótimo, fez uns exames e está tudo ok.”Fábio Jr. não está na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e tem como diagnóstico “pico de estresse e estafa”, permanecendo em observação médica.

 

Faça o seu comentário

Donabela Bijoux

Caixa deve liderar pagamento do coronavoucher e propor escalonamento

Publicado em: 28/03/2020

Caixa deve liderar pagamento do coronavoucher e propor ...

A Caixa Econômica Federal deve ser uma das instituições a comandar o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 aos trabalhadores informais, o chamado “coronavoucher”.

A medida, que foi aprovada pela Câmara  foi pensada como forma de auxiliar as pessoas de baixa renda no Brasil em razão da pandemia de Covid-19 e prevê o repasse do valor durante o período de três meses. Para entrar em vigor, ela ainda precisa do aval do Senado, que deve analisar a matéria na semana que vem.

 

Faça o seu comentário

Drogaria Timoneiro

Espanha tem 832 mortes por covid-19 em 24 horas, e país bate recorde

Publicado em: 28/03/2020

                                   Imagem: Susana Vera/Reuters

 

A Espanha registrou 832 mortos nas últimas 24 horas, o recorde de óbitos em um único dia devido ao novo coronavírus. Com o novo salto nas mortes, o país já contabiliza 5.694 mortes pela covid-19. As informações foram divulgadas no último balanço do Ministério da Saúde da Espanha.

O país tem 72.248 casos confirmados desses, 8.189 foram confirmados nas últimas 24 horas. Depois da Itália, o país é o mais afetado pela pandemia. Madri registrou a maioria dos casos, seguida da Catalunha.

Dos doentes, 40.630 precisara ser hospitalizados. Quantos aos curados, são 12.285.

 

UOL

 

Faça o seu comentário

VIVO PRE

Associação Comercial do RN oferece consultoria gratuita a empreendedores

Publicado em: 28/03/2020

 

Faça o seu comentário

BOA FÓRMULA - FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO

Bolsonaro anuncia que Anvisa aprovou novos testes para covid-19

Publicado em: 28/03/2020

                          Imagem: reprodução/Twitter

 

O presidente Jair Bolsonaro usou as redes sociais para anunciar na manhã deste sábado, 28, que a Anvisa aprovou três novos testes que permitirão a detecção do coronavírus. Agora, já são 11 o número testes aprovados pela agência.

 

Faça o seu comentário

JP Gás - João Câmara

DANOU-SE: Número dois da Saúde diz que recomendações de Bolsonaro não mudam orientações do ministério

Publicado em: 28/03/2020

Secretário-executivo do Ministério da Saúde João Gabbardo dos Reis Foto: SERGIO LIMA / AFP                                           Foto: SERGIO LIMA / AFP

 

O secretário-executivo do Ministério da Saúde, João Gabbardo dos Reis, disse que, as recomendações feitas pelo presidente Jair Bolsonaro não mudam as orientações dadas pela pasta no combate ao novo coronavírus. Segundo ele, o ministério continuará aconselhando que as pessoas diminuam a circulação nas ruas e evitem as aglomerações como forma de reduzir o risco de contágio. O vírus já matou 92 pessoas no Brasil.

Questionado se o Ministério da Saúde pararia a campanha de isolamento social para atender o discurso de Bolsonaro, Gabbardo, que é o número dois da pasta, abaixo apenas do ministro Luiz Henrique Mandetta, respondeu:

— Não vejo nenhum sentido nisso. Não existe essas hipótese. O discurso do presidente, nós não vamos fazer nenhuma análise dele, mas as recomendações que estão sendo dadas não modificam em nada as orientações do Ministério da Saúde. Continuam sendo as mesmas — disse Gabbardo.

 

Faça o seu comentário

Grupo Araújo

João Câmara: Panificadora João Paulo II oferece café da manhã aos funcionários do Hospital Regional

Publicado em: 28/03/2020

cafe-da-manha-padaria-joao-paulo-2-oferece-aos-func-dohosp-regional-jc-foto-08.jpgcafe-da-manha-padaria-joao-paulo-2-oferece-aos-func-dohosp-regional-jc-foto-03.jpg                                  (Fotos: cedida via WhatsApp)

 

Neste sábado (28), vivemos agraciamos a esses verdadeiros heróis nossos funcionários do HOSPITAL REGIONAL DE JOÃO CÂMARA oferecemos um delicioso café da manhã. Para nós que fazemos a empresa PANIFICADORA JOÃO PAULO II e uma grande honra podermos proporcionar esses momentos para quem na verdade merece todo reconhecimento da nossa sociedade. Isso é um pequeno gesto da gratidão a todos profissionais da Saúde do nosso BRASIL.

cafe-da-manha-padaria-joao-paulo-2-oferece-aos-func-dohosp-regional-jc-foto-05.jpgcafe-da-manha-padaria-joao-paulo-2-oferece-aos-func-dohosp-regional-jc-foto-07.jpgcafe-da-manha-padaria-joao-paulo-2-oferece-aos-func-dohosp-regional-jc-foto-02.jpgcafe-da-manha-padaria-joao-paulo-2-oferece-aos-func-dohosp-regional-jc-foto-06.jpgEmpresário e proprietário da Padaria João Paulo II Edmar e sua esposa Carla Jaqeline (Fotos: cedida via WhatsApp)

 

Faça o seu comentário

Panificadora & Conveniência João Paulo II

AUMENTO DOS PREÇOS NO RN: Associação diz em nota que custos dos produtos não são definidos pelos supermercados, e sim pelos fornecedores

Publicado em: 28/03/2020

A Associação dos Supermercados do Rio Grande do Norte (ASSURN) soltou nota no final desta sexta-feira informando que vem recebendo informações de seus associados sobre o aumento de preços de alguns produtos praticados por fornecedores nos últimos dias.

A ASSURN diz na nota, como entidade representativa, esclarece aos consumidores que:

1 – Os custos de produtos não são definidos pelos supermercados. Há diversas etapas de produção até a entrega do produto nas lojas;

2 – Os supermercados apenas repassam o custo dos produtos de acordo com os valores adquiridos da indústria;

3 – A ASSURN está trabalhando incansavelmente para manter o equilíbrio nas relações de consumo diante da pandemia do coronavírus (covid-19). E não compactua com a elevação injustificada de preços, principalmente, em período de fragilidade da população no que se refere à saúde pública;

4 – Os supermercados estão tentando negociar custos com seus fornecedores, mantendo a mesma margem de comercialização. Segundo recomendação da ASSURN, os supermercados não aumentaram e não devem aumentar suas margens de lucro em respeito aos consumidores. Alguns supermercados inclusive estão reduzindo margem de produtos para não repassar todo o aumento aos consumidores;

5 – A orientação aos supermercados associados é que refute qualquer aumento de preço sem explicação mercadológica;

6 – Reafirmamos que nossa missão é oferecer qualidade e preços justos em um ambiente limpo e seguro. Estamos trabalhando junto com nossos fornecedores para que tudo seja normalizado o quanto antes;

7 – A ASSURN reforça a atitude da Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS) que comunicou, nesta terça-feira (24), à Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), do Ministério da Justiça e Seguridade Pública, sobre práticas abusivas de aumento de preços por parcela da indústria de alguns setores.

Por fim, ressaltamos que os supermercados não irão parar. Estamos cumprindo o nosso dever que é servir à sociedade.

Pedimos, mais uma vez, aos consumidores que respeitem as limitações de circulação de clientes dentro das lojas como recomendado em decreto estadual. E que não há necessidade de correria aos supermercados.

Evite aglomerações.

 

Faça o seu comentário

Supermercado Econômico

Vereador Raniere Barbosa é internado devido a problemas respiratorios causados pelo coronavírus

Publicado em: 28/03/2020

Raniere Barbosa (@vereadoraniere) | Twitter

O vereador Raniere Barbosa (Avante) foi internado, no início da noite desta sexta-feira (27), no Hospital Memorial São Francisco, em Tirol, na Zona Sul de Natal. O parlamentar deu entrada na urgência da unidade apresentando dificuldades respiratórias. Por orientação médica, ficou internado em apartamento na unidade hospitalar. O boletim médico atualizado foi emitido às 21h desta sexta-feira (27), assinado pelo médico infectologista, Eduardo Teodoro.

*Sobre*

O parlamentar recebeu o resultado positivo do teste para o coronavírus (covid-19) nesta quinta-feira (26). “Tomei as medidas preventivas antes de ter o resultado. Fiquei em isolamento desde o dia 19 deste mês, quando foram suspensas as atividades parlamentares na Câmara Municipal de Natal”, declarou o parlamentar. Orientamos que quem teve contato com o parlamentar fique atento aos sintomas e procure auxílio médico em caso de dúvida.

 

Faça o seu comentário

JD Lan House

Sinmed-RN sugere que providências de combate a Covid-19 se tornem permanentes, e ampliação de leitos no Hospital de João Câmara

Publicado em: 28/03/2020

hosp.jpg

O presidente do Sindicato dos Médicos do Rio Grande do Norte, Geraldo Ferreira, se reuniu na manhã desta sexta-feira (27) via videoconferência com o secretário Estadual de Saúde, Cipriano Maia, e com o ex-presidente da EBSERH, o médico Kléber Morais. Em pauta estavam medidas emergenciais de combate ao COVID-19, como reforço à rede hospitalar e de UTIs no Estado, e a convocação de médicos de forma extraordinária para compor os quadros.

O presidente do Sinmed/RN apontou algumas medidas como sugestões. A ampliação de leitos na rede pública terminando obras em hospitais como o Deoclécio Marques em Parnamirim, o Regional de João Câmara, o de Santo Antônio do Salto da Onça, o da Polícia Militar, e outros regionais, de forma que se tornem permanentes a serviço da população do Estado após a pandemia. Que as vagas de UTI ou unidades intermediárias sejam reabertas, equipadas, ampliadas, ou mesmo construídas na rede pública e que também sirvam depois para aliviar a carência de vagas. E que a força de trabalho médico seja convocada de forma rápida e simplificada por contratos temporários. 

“O secretário Cipriano Maia ficou de disponibilizar para o sindicato a quantidade de leitos e a força de trabalho médico que pretende contratar para que possamos auxiliá-lo nessa convocação de profissionais” disse Geraldo Ferreira.

(mais…)

 

Faça o seu comentário

Rádio 89 FM - João Câmara

RN tem 1176 casos suspeitos de Coronavírus e 28 confirmados

Publicado em: 27/03/2020

 

Faça o seu comentário

BOA FÓRMULA - FARMÁCIA DE MANIPULAÇÃO