José Agripino cita extremismos de Lula e Bolsonaro para defender fusão do DEM com o PSL ao centro

Publicado em: 18/09/2021

O ex-senador José Agripino Maia deve ser o presidente da nova sigla que surgirá com a fusão do DEM com o PSL. A fusão ainda é incerta e depende de um longo processo jurídico para ser realizada, mas o político já adiantou que a nova legenda será de centro, sem os extremismos da direita do presidente Jair Bolsonaro e da esquerda do ex-presidente Lula.

“Eu reputo fundamental ser feito através pesquisa de opinião pública, um nome que traduza a tendência do partido, que é uma tendência centrista, liberal democrática. Nem extrema direita, nem extrema esquerda. O centro democrático que inclusive entendemos que retrata o pensamento da maioria do povo brasileiro. Uma maioria até silenciosa, mas que não quer votar nem na extrema esquerda de Lula, nem na extrema direita de Bolsonaro“, disse em entrevista ao Agora RN.

 




Faça o seu comentário